A sua melhor viagem é sempre a próxima

A Cidade Proibida

cidade proibida

 

Zijincheng, que significa “Cidade Proibida Purpura”, foi o palácio imperial da China desde a metade da dinastia Ming até o fim da dinastia Oing. A cidade proibida localiza-se na zona central de Pequim. A cidade foi inicialmente construída em 1407 e 13 anos mais tarde já estava pronta, as obras contaram com mais de 1 milhão de operários e 100 mil artesãos que trabalharam arduamente para concluir a cidade.

Atualmente todo o complexo palaciano é mais conhecido como Palace Museum e cobre uma área de 720.000 m², com 980 edifícios sobreviventes e pouco mais de 8700 aposentos. Sua entrada principal se dá pela Cidade Imperial a partir da maior praça do mundo, a Praça da Paz Celestial, que possui 260.000 m² e que foi palco de ocupação estudantil seguido de intervenção militar em 1989.

A Cidade Proibida é cercada por uma muralha de 7,9 metros e ao sul tem cinco passagens perfuradas constituindo a entrada principal, o Meridian Gate. A abertura central só podia ser atravessada pelo imperador. Quem quer que ousasse atravessar os portões sem a devida autorização estava sujeito a uma execução dolorosa.

cidade proibida.2

Durante mais de cinco séculos serviu como residência do imperador e do seu pessoal doméstico, sendo o centro cerimonial e político do governo chinês. Portanto, foi sede de um governo que comandou o império mais populoso da terra e continua sendo o maior palácio do planeta.

Para se chegar ao interior do palácio é necessário atravessar um fosso, onde se tem acesso ao primeiro gate, o da Suprema Harmonia, que exibe junto as escadas dois leões em bronze. O hall da Suprema Harmonia era o símbolo do poder imperial, por isso a alta estrutura. Na galeria do hall é possível observar diversos objetos, como o trono de sândalo que simbolizava poder.

cidade proibida.3

cidade proibida.4

A Cidade Proibida está listada pela UNESCO como a maior coleção de antigas estruturas de madeira preservadas do mundo.

cidade proibida.5

Nos dias atuais, a Cidade Perdida é um museu e abriga centenas de relíquias com mais de 5000 anos, que hoje estão preservadas devido a Chiang Kai Check, que ordenou que todos os objetos fossem levados até Taiwan, para que os mesmos fossem protegidos do ataque japonês na década de 40.

Por menor que sejam, todos os detalhes de cada construção da cidade possuem um significado. O perfeccionismo inclui telhados, calhas, portões, pisos e abóbodas lindamente decorados. Não há ângulo interno ou externo que não cause sempre admiração pela exuberância destes detalhes e pela profusão de cores.

Não tenha dúvidas, a Cidade Proibida é um segredo chinês a ser desvendado, você vai se deslumbrar.

Fonte: Delza Dias Ferreira

Solicitar orçamento ou enviar uma mensagem